Primeiro mico do ano...

27 janeiro 2011

Pois é...sai de casa  decidida a resolver o meu problema com o banco. 
De ferias, sem horario fixo pra nada, simplesmente me esqueci que o banco so abre as 11. Chego na porta do banco as 10 e 15, e só entào me toquei que precisaria esperar... Mico 1.
Resolvo dar uma voltinha no centro da cidade, ver algumas coisinhas no comercio pra esperar. Voltar pra casa nem pensar, estava decidida, resoluta a resolver meu problema bancario...
Pouco depois das 11 marido liga avisando que ja estava sentado na mesa do gerente, corro pra la, suada, esbaforida... Como ja tenho uma vasta experiencia em ser barrada em portas giratorias de toooooooodos os bancos, ja pego a chave do carro e o celular e coloco naquele porta volumes. Evitar outro mico é essencial..rsrs
 
Adivinha o que aconteceu? A porta TRAVOU, e aquela voz suuuuuuper discreta mandou eu voltar e colocar meus objetos metalicos na caixinha. Volto, abro a bolsa, nao acho nada metalico, olho para os seguranças que me mandam entrar novamente. Quando estou passando pela porta, de novo...trava, a voz gritante me manda fazer tudo de novo. Nesse momento a agencia inteira ja estava me olhando !
Resolvo olhar novamente dentro da minha bolsa, muito mais pra tentar fazer os seguranças se convencerem da minha honestidade, se fosse o caso, jogar tudo no chão, por as mãos na cabeça e jurar inocencia quando encontro ISSO dentro da minha bolsa...










Imaginem a minha cara ao levantar esse simples objeto dentro do banco, depois da porta apitar duas vezes??
Eu não sei se desligaram o alarme para eu entrar, se depois de colocar isso na caixinha a porta destravou, nem me atrevi a perguntar ao segurança.
Com a maior cara de bolacha peguei minha chave, celular e ISSO ai e ao passar pelos seguranças um deles faz um gesto indicando que queria o meu objeto. Ai minha cara foi ao chão...

Na verdade os dois engraçadinhos estavam se divertindo e quando eu disse toda sem graça que aquilo estava na minha bolsa porque eu ia levar para o conserto (mentira, eu ganhei e esqueci  la!) ele respondeu que queria para soldar a cabeça do outro que não estava funcionando direito...
Nessa altura marido continuava sentado na mesa do gerente (nem levantou pra me socorrer!!) rindo tambem.
Conclusão: depois desse mico descubro que o gerente da minha conta ( eu não o conheço) esta de ferias e o moço educadinho no lugar de dele não poderia me ajudar...
Toda minha ira vontade em solucionar o problema foi por agua abaixo...
E olha que ja sou especialista em portas giratorias. Uma vez fui parada por causa do meu porta moedas  e outra por causa de duas tesouras (estava com a bolsa da escola, ando com a tralha toda dentro dela, quem é prof sabe que uma tesoura é essencial, duas entào...kkk)


Agora me digam, que moral eu tinha pra reclamar depois de saberem vou ao banco com uma solda na bolsa???
 



 

10 comentários:

zezinha-pontog disse...

Ola,querida Marcia.
Saudades de vir aqui no seu espaço,desculpe a demora.Amiga,tambem nao consigo passar incolume por uma porta giratoria:nao sei se tenho cara de quem vai assaltar o banco,ou de quem vai atentar contra o gerente(pelos pessimos serviços,rsrsr),so sei que as portas nao gostam de mim,e eu menos ainda delas.Mas valeu pelo post leve e divertido.Grande beijo.zenaide storino.

Fernanda Fernandes disse...

OLÁ HOJE TIVE PROBLEMINHAS PARECIDO COM O SEU...BANCO QUE HORROR ,PARA FAZER UMA RETIRADA TIVE QUE IR EM 3 ITAUS,CAIXAS COM PROBLEMAS E NINGUEM PARA DAR EXPLICAÇÃO...CASO PERDIDO!!QUANTO MAIS TECNOLOGIA PIOR A NOSSA VIDA!!

ADOREI O LUGAR DE SEU PASSEIO,PENA QUE LONGO DE ONDE MORO!

BJS
FERNANDA

Larissa disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk adooooro
q micooooooooooo... dava td p ve essa cenaa

Francy disse...

Essa coisa de banco é um "terror"...
Somos especialistas em portas giratórias, com uma diferença, eu dou um vexame daqueles e falo bem alto... kkk
abs,

Ana Paula disse...

Porque a gente se envergonha né? Porque não ser cara de pau? Sei lá, mas eu já fui barrada nessa porta (que só barra os inocentes) por causa de uma presilha no cabelo.
Tive que soltar a juba para entrar. Aquele foi um mico...rsrsrs
Ainda bem que costumo pentear o cabelo antes de prender...kkk
Bjs.

Ana Carolina disse...

Rsrsrs..muito engraçado!!mas essas coisas acontecem.
bjs

Glaucia disse...

Eu odeio com todas as minhas forças portas giratórias de banco e odeio mais ainda roletas, catracas e todo esse tipo de objeto que denigre a minha imagem.
Amiga, pagar micos faz parte, nem se estresse!!!!

calma que estou com pressa disse...

morri de rir - este objeto foi o mais inusitado que vi -
e já paguei cada mico em banco - que ódio , dá vontade deixar a bolsa no chão e entrar com as mãos abanando
bj
lu

Silvana Fabbri disse...

kkkkkk adorei a solda .... mulher tem cada coisa na bolsa .... kkkk estou rindo até agora, qualquer dia despejo a bolsa naquele reservatório de acrílico e quero ver neguinho se ralando todo para juntar TUDOOOOOO ... kkkkkk
Beijokas abóboras

Brechó Recicle Online disse...

Rsrsr...Ai Marcinha!...E seu marido viu tudo...Hahhaha...Ele vai contar em todas as festinhas,né!?

Eu nem sei usar o tal aparelho...Aff...Vc vai soldar o que ???...Rsrsr... Quem te deu a solda???...Adorei a história,viu!!

Adoro teus comentários lá no blog...Bom saber do seu pimpolho de 14...Deus abençõe!

Bjs,

 

Posts Comments

©2006-2010 ·TNB